Precarização da educação e da atividade docente

notas sobre a experiência na rede pública estadual de São Paulo

Autores

DOI:

https://doi.org/10.62516/terra_livre.2023.3207

Palavras-chave:

educação, crise, precarização do trabalho, Novo Ensino Médio

Resumo

O artigo discute o cenário de precarização da educação no Brasil, partindo da experiência cotidiana em escolas públicas paulistas, tanto em sala de aula como nos momentos de formação coletiva de professores. A implementação do Novo Ensino Médio marca a institucionalização da lógica neoliberal no ensino público, baseada na ideia de empreendedorismo. O Estado de São Paulo se torna a representação de um fenômeno nacional que encobre dos estudantes o contexto da crise econômica e a falta de perspectiva de trabalho. Nessa trama, podemos incluir os docentes que sofrem ataques à carreira por parte da Secretaria de Educação, num movimento de diferenciação salarial que beneficia os professores temporários, colocando efetivos e contratados uns contra os outros. Desse modo, a experiência docente se transforma à medida que os professores circulam entre as escolas e não conseguem ter estabilidade na profissão. A carreira vira destino de profissionais de outras áreas que não conseguem se inserir no mercado de trabalho, se tornando uma alternativa à demanda por emprego de toda a sociedade.

 

Biografia do Autor

Wesley Valentim Anacleto da Silva, USP

Geógrafo formado pela Universidade de São Paulo e professor da rede pública de ensino do Estado de São Paulo nas disciplinas de Geografia, História e Itinerários Formativos. Atualmente, mestrando em Geografia Humana pelo DG-USP. Tem experiência em pesquisa na área de Geografia, com ênfase em Geografia Humana, atuando principalmente nos seguintes temas: capitalismo periférico, desenvolvimento desigual, Teoria da Dependência e educação.

Referências

ALFANO, Bruno. Acionista de empresa que tem contrato com o governo, secretário de Educação de SP é investigado por conflito de interesse. Disponível em: https://oglobo.globo.com/brasil/noticia/2023/08/04/acionista-de-empresa-que-tem-contrato-com-o-governo-secretario-de-educacao-de-sp-e-investigado-por-conflito-de-interesse.ghtml. Acesso em 07.09.2023.

ARENDT, Hannah. A crise na educação. Entre o passado e o futuro. São Paulo: Perspectiva, 1972, p. 221-247. 1a edição (Between past and future): 1961.

BAPTISTA, Rodrigo. Senado aprova criação do Programa Escola em Tempo Integral. Disponível em: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2023/07/11/senado-aprova-criacao-d o-programa-escola-em-tempo-integral. Acesso em 09.09.2023

BRASIL. Diretrizes curriculares nacionais gerais da educação básica. Ministério da Educação. Secretária de Educação Básica. Diretoria de Currículos e Educação Integral. Brasília: MEC, SEB, DICEI, 2013.

__________ Governo Federal institui o Programa Escola em Tempo Integral. 2023c

Disponível em: https://www.gov.br/planalto/pt-br/acompanhe-o-planalto/noticias/2023/07/governo-federal-institui-programa-escola-em-tempo-integral. Acesso em 09.09.2023

BRASIL. Taxa de desemprego no país cai para 8%, menor índice desde 2014. 2023a

Disponível em https://www.gov.br/pt-br/noticias/financas-impostos-e-gestao-publica/2023/07/taxa-de-desemprego-no-pais-cai-para-8-menor-indice-desde-2014#:~:text=GERA%C3%87%C3%83O%20DE%20EMPREGO-,Taxa%20de%20desemprego%20no%20pa%C3%ADs,8%25%2C%20menor%20%C3%ADndice%20desde%202014&text=A%20taxa%20de%20desemprego%20no,ao%20mesmo%20per%C3%ADodo%20de%202022. Acesso em 20.09.2023

__________ Programa Internacional de Avaliação de Estudantes (Pisa). 2023b

Disponível em https://www.gov.br/inep/pt-br/areas-de-atuacao/avaliacao-e-exames-educacionais/pisa. Acesso em 20.09.2023.

__________ Governo Federal institui o Programa Escola em Tempo Integral. 2023c

Disponível em: https://www.gov.br/planalto/pt-br/acompanhe-o-planalto/noticias/2023/07/governo-federal-institui-programa-escola-em-tempo-integral. Acesso em 09.09.2023.

__________ Lei Nº 13.415, de 16 de fevereiro de 2017. Disponível em https://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2015-2018/2017/lei/l13415.htm. Acesso em 20.08.2023.

CATINI, Carolina. (2020). Empreendedorismo, privatização e o trabalho sujo da educação. São Paulo: Revista USP, 2020 DOI: https://doi.org/10.11606/issn.2316-9036.i127p53-68

G1 SP. MP investiga secretário de Educação de SP por conflito de interesse em contratos da gestão estadual. Disponível em https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/2023/08/05/mp-investiga-secretario-de-educacao-de-sp-por-conflito-de-interesse-em-contratos-da-gestao-estadual.ghtml. Acesso em 07.09.2023

GROSSMANN, Henryk. La ley de la acumulación y del derrumbe del sistema capitalista. México: Siglo XXI, 1979.

HARVEY, D. Teoria da Crise e a queda da taxa de lucro. Geografares, [S. l.], n. 28, p. 15–35, 2019. DOI: https://doi.org/10.7147/GEO28.24381

KURZ, Robert. O colapso da modernização. São Paulo: Paz e Terra, 1992.

MANDEL, Ernest. O Capitalismo Tardio. São Paulo: Abril Editorial, 1982.

MARX, K. Grundrisse: manuscritos de 1857-1858. São Paulo: Boitempo, 2011.

__________ A mercadoria. In: O capital: crítica da economia. São Paulo: Abril Cultural, 1983a.

__________ O Capital: Crítica da Economia Política – Vol. III Tomo II. Coleção Os economistas. São Paulo: Abril Cultural, 1983b.

MÉSZÁROS, Ístván. A educação para além do capital. 2. ed. São Paulo: Boitempo, 2008.

São Paulo. Currículo Paulista. Undime: São Paulo, 2020.

PEPICE, Marcelo. RAMOS, Maria Vitória. 34% dos cargos de professor da rede estadual em SP estão vagos. Disponível em:

http://www.apeoesp.org.br/noticias/noticias-2018/34-dos-cargos-de-professor-da-rede-estadual-em-sp-estao-vagos/. Acesso em 16.05.2023.

ROBERTS, M. Monocausalidade e teoria da crise: uma resposta a David Harvey. Geografares, [S. l.], n. 28, p. 36–54, 2019. DOI: 10.7147/GEO28.24382. Disponível em: https://periodicos.ufes.br/geografares/article/view/24382. Acesso em: 6.09.2021. DOI: https://doi.org/10.7147/GEO28.24382

Secretaria de Educação do Estado de São Paulo. Edital de Abertura de Inscrição. São Paulo. Publicado em 16 de Setembro de 2013. Disponível em: https://www.educacao.sp.gov.br/a2sitebox/arquivos/documentos/568.pdf. Acesso em 16.05.2023.

__________ Educação de SP lança edital para concurso público que vai contratar 15 mil professores. Disponível em:

https://www.educacao.sp.gov.br/educacao-de-sp-lanca-edital-para-concurso-publico-que-vai-contratar-15-mil-professores/. Acesso em 16.05.2023.

UOL. SP fechou contratos com ex-empresa de Renato Feder com ele no cargo. Disponível em https://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2023/08/11/renato-feder-educacao-sao-paulo-conflito-de-interesse-contratos.htm. Acesso em 07.09.2023

Downloads

Publicado

2024-02-23

Como Citar

VALENTIM ANACLETO DA SILVA, W. Precarização da educação e da atividade docente: notas sobre a experiência na rede pública estadual de São Paulo. Terra Livre, [S. l.], v. 1, n. 60, p. 209–236, 2024. DOI: 10.62516/terra_livre.2023.3207. Disponível em: https://publicacoes.agb.org.br/terralivre/article/view/3207. Acesso em: 17 abr. 2024.

Dados de financiamento