Geografia, globalização e cidadania

Autores

  • Márcio Piñon de Oliveira

Resumo

O acentuado processo de desenvolvimento da economia capitalista vem impondo uma nova lógica espacial às sociedades, tornando a relação entre as diferentes escalas territoriais mais complexa. A globalização, expressão corrente deste momento, enfraquece a cidadania que tem como referência o Estado Nacional, ao mesmo tempo em que valoriza o nível local, e, portanto, o papel dos lugares nas redes mundiais. Por um lado, perde força a idéia do cidadão como sujeito, como ator da ação política, individual ou coletiva, na sociedade, por outro, ganha força a idéia do cidadão comoindivíduo autônomo, consumidor e usuário de além fronteiras, o cidadão do “mercado-mundo” e suas redes.

Biografia do Autor

Márcio Piñon de Oliveira

Professor Adjunto do Departamento de Geografia da Universidade Federal Fluminense

Downloads

Publicado

2015-05-24

Como Citar

DE OLIVEIRA, M. P. Geografia, globalização e cidadania. Terra Livre, [S. l.], n. 15, p. 155–166, 2015. Disponível em: https://publicacoes.agb.org.br/terralivre/article/view/366. Acesso em: 2 out. 2023.