A teoria dos dois circuitos da economia urbana aplicada ao turismo a partir do Brasil

Autores

  • José Alexandre Berto de Almada Professor do Departamento de Geografia - UERN, Campus Mossoró Doutorando do programa de pós-graduação em Geografia - UFPE

Resumo

O presente ensaio apresenta a partir da teoria dos circuitos da economia urbana uma proposta de análise da produção do espaço urbano pelo turismo em países subdesenvolvidos a partir do Brasil. Para isto o ensaio está dividido em quatros partes, a primeira, apresenta os elementos centrais para se pensar a teoria dos circuitos urbanos aplicada ao turismo; as três últimas discute a participação do Estado, do Mercado e dos turistas no território usado pelos dois circuitos da economia urbana a partir da perspectiva brasileira. A produção do espaço e o território usado pelo turismo depende da combinação do Estado, Mercado e Turistas, onde, quanto maior a presença do Estado, maior será concentração do Mercado e maior será o fluxo de turistas de um determinado lugar turístico, resultando em uma produção desigual e combinada pelos circuitos superior e inferior do turismo, onde esse é tratado nas política públicas como um problema para ser superado para o desenvolvimento turístico.

Biografia do Autor

José Alexandre Berto de Almada, Professor do Departamento de Geografia - UERN, Campus Mossoró Doutorando do programa de pós-graduação em Geografia - UFPE

Licenciado em Geografia - IFRN

Mestre em Geografia - UFRN

Doutorando em Geografia - UFPE

Professor de geografia humana - UERN

Downloads

Publicado

2020-09-27

Como Citar

ALMADA, J. A. B. de. A teoria dos dois circuitos da economia urbana aplicada ao turismo a partir do Brasil. Terra Livre, [S. l.], v. 1, n. 54, p. 362–404, 2020. Disponível em: https://publicacoes.agb.org.br/terralivre/article/view/1632. Acesso em: 28 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos