A geografia do latifúndio no Baixo Jaguaribe/Ceará

dinâmicas de uso e propriedade da terra

Autores

  • Leandro Vieira Cavalcante Universidade Federal do Rio Grande do Norte
  • Francisco Ricardo Leite Silva
  • Erivaldo Paiva Martins

Palavras-chave:

Latifúndio, Questão Agrária, Baixo Jaguaribe

Resumo

O Baixo Jaguaribe, localizado no leste do Ceará, comporta diferentes configurações agrárias responsáveis por fazer dessa região um celeiro de amplas disputas por terra. A análise da questão agrária jaguaribana aponta para a existência de distintos períodos marcados pelo desenvolvimento de atividades intensivas no uso e na propriedade da terra, responsáveis por configurar a geografia do latifúndio da região, verificando-se a hegemonia de grandes fazendas que cumprem a função de assegurar a permanência do latifúndio e das relações de mando e dominação no espaço agrário regional. Nesse sentido, busca-se desvelar a geografia do latifúndio no Baixo Jaguaribe a partir da compreensão de sua questão agrária mediante análise da propriedade da terra por parte das maiores fazendas presentes na região. A metodologia considerou atividades de levantamento bibliográfico e análise de dados. Com a consecução da pesquisa, comprova-se que o latifúndio ocupa uma posição central na questão agrária do Baixo Jaguaribe, ao revelar relações de poder e usos da terra que coadunam com os interesses dos latifundiários que exercem o controle fundiário regional.

Biografia do Autor

Leandro Vieira Cavalcante, Universidade Federal do Rio Grande do Norte

Professor Adjunto do Departamento de Geografia da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Graduado, Mestre e Doutor em Geografia pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Mestre em Géographie des Pays Emergents et en Développement pela Université Paris 1 Panthéon-Sorbonne (PARIS 1). Educador da Escola Família Agrícola Jaguaribana Zé Maria do Tomé (EFA Jaguaribana). Pesquisador do Grupo de Pesquisa e Articulação Campo, Terra e Território (NATERRA/CNPq)

Referências

ALENCAR, Francisco Amaro de. O agrário na região do Jaguaribe. Revista Propostas Alternativas – Vale do Jaguaribe: natureza e diversidade cultural, Fortaleza, n. 07, p. 11-17, 2000.

ALENTEJANO, Paulo. Questão agrária no Brasil do século XXI: uma abordagem a partir da Geografia. Terra Livre, São Paulo, ano 27, v. 1, n. 36, p. 69-95, 2011.

ALENTEJANO, Paulo. Terra. In: CALDART, Roseli et al. (Org.). Dicionário da educação no campo. São Paulo: Expressão Popular, 2012. p. 742-745.

ALVES, Maria Odete. Mercado, arame e Estado: recursos comuns e resistência em Lagoa dos Cavalos, sertão do Ceará. 2012. 341f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Sustentável) – Universidade de Brasília, Brasília, 2012.

ANDRADE, Manuel Correia de. Latifúndio e reforma agrária no Brasil. São Paulo: Duas Cidades, 1980.

ARAÚJO, Sergiano de Lima. O gosto amargo das frutas nas terras do senhor: a territorialização da produção capitalista e as disputas territoriais entre o agronegócio e o campesinato na região do Baixo Jaguaribe (CE). 2016. 248f. Tese (Doutorado em Geografia) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2016.

BRUNO, Regina (Org.). Um Brasil ambivalente: agronegócio, ruralismo e relações de poder. Rio de Janeiro: Mauad X, 2009.

CAVALCANTE, Leandro Vieira. “As firmas tomaram conta de tudo”: agronegócio e questão agrária no Baixo Jaguaribe/CE. 2019. 396f. Tese (Doutorado em Geografia) - Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2019.

CAVALCANTE, Matuzalem; FERNANDES, Bernardo Mançano. Territorialização do agronegócio e concentração fundiária. Revista NERA, Presidente Prudente, v. 11, n. 13, p. 16-25, 2008.

CUNHA, Joaci de Sousa. Latifúndio, reforma agrária e políticas públicas para o campo brasileiro na crise sistêmica (1994-2015). Cadernos do CEAS, Salvador, n. 237, p. 196-224, 2016.

DELGADO, Guilherme. Questão agrária hoje. In: COELHO, Fabiano; CAMACHO, Rodrigo Simão (Org.). O campo no Brasil contemporâneo: do governo FHC aos governos petistas – questão agrária e reforma agrária. Curitiba: Editora CRV, 2018. p. 17-28.

FERNANDES, Bernardo Mançano. Entrando nos territórios do território. In: FABRINI, João Edmilson; TOMIASI, Eliane Paulino (Org.). Campesinato e territórios em disputa. São Paulo: Expressão Popular, 2008. p. 273-202.

FERNANDES, Bernardo Mançano. Sobre a tipologia dos territórios. In: SAQUET, Marcos Aurelio; SPOSITO, Eliseu Savério (Org.). Territórios e territorialidades: teorias, processos e conflitos. São Paulo: Editora Expressão Popular, 2009. p. 197-215.

FREITAS, Bernadete Maria Coêlho. Marcas da modernização da agricultura no território do Perímetro Irrigado Jaguaribe-Apodi: uma face da atual reestruturação socioespacial do Ceará. 2010. 181f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Estadual do Ceará, Fortaleza, 2010.

LEITE, Acácio Zuniga. Análise da concentração fundiária no Brasil: desafios e limites do uso do índice de Gini. Revista NERA, Presidente Prudente, v. 21, n. 43, p. 10-28, 2018.

MARINHO, Alice Maria Correia. Contextos e contornos da modernização agrícola em municípios do Baixo Jaguaribe/CE - o espelho do (des)envolvimento e seus reflexos na saúde, trabalho e ambiente. 2010. 245f. Tese (Doutorado em Saúde Pública) – Universidade de São Paulo, São Paulo, 2010.

MARTINS, José de Souza. O poder do atraso: ensaios de sociologia da história lenta. São Paulo: Hucitec, 1994.

MARTINS, José de Souza. Os camponeses e a política no Brasil: as lutas sociais no campo e seu lugar no processo político. 5. ed. Petrópolis: Vozes, 1995.

MEDEIROS, Leonilde Sérvolo de. Latifúndio. In: CALDART, Roseli et al. (Org.). Dicionário da educação no campo. São Paulo: Expressão Popular, 2012. p. 447-453.

OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de (Org.). A grilagem de terras na formação territorial brasileira. São Paulo: FFLCH/USP, 2020.

OLIVEIRA, Ariovaldo Umbelino de; FARIA, Camila Salles. O processo de constituição da propriedade privada da terra no Brasil. In: ENCUENTRO DE GEÓGRAFOS DE AMÉRICA LATINA, 12, Anais…, Montevidéu, 2009.

PAULINO, Eliane Tomiasi. Estrutura fundiária e dinâmica socioterritorial no campo brasileiro. Revista Mercator, Fortaleza, v. 10, n. 23, p. 111-128, 2011.

PINHEIRO, Francisco José. O Vale do Jaguaribe: de um espaço livre dos povos indígenas para uma região da pecuária. Revista Propostas Alternativas – Vale do Jaguaribe: natureza e diversidade cultural, Fortaleza, n. 06, p. 12-21, 1999.

RIGOTTO, Raquel (Org.). Agrotóxicos, trabalho e saúde: vulnerabilidade e resistência no contexto da modernização agrícola no Baixo Jaguaribe/CE. Fortaleza: Edições UFC, 2011.

RIGOTTO, Raquel et al. Almanaque do Baixo Jaguaribe: tramas para a afirmação do trabalho, meio ambiente e saúde para sustentabilidade. Núcleo Tramas: Fortaleza, 2012.

SANTOS, Milton; SILVEIRA, Maria Laura. O Brasil - território e sociedade no início do século XXI. 5. ed. Rio de Janeiro: Record, 2003.

SAUER, Sérgio. Terra no século XXI: desafios e perspectivas da questão agrária. Retratos de Assentamentos, Araraquara, v. 19, n. 2, p. 69-97, 2016.

SILVA, Maria de Lourdes Vicente da. Gritos, silêncios e sementes: as repercussões do processo de des-reterritorialização empreendido pela modernização agrícola sobre o ambiente, o trabalho e a saúde de mulheres camponesas na Chapada do Apodi/CE. 2014. 364f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento e Meio Ambiente) – Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2014.

SNCR/INCRA. Sistema Nacional de Cadastro Rural - Instituto Nacional de Colonização e Reforma. 2020. Disponível em: http://www.cadastrorural.gov.br/estatisticas/sncr-sistemanacional-de-cadastro-rural. Acesso em: 20 mai. 2021.

SOARES, Hidelbrando dos Santos. Agricultura e reorganização do espaço: a rizicultura irrigada em Limoeiro do Norte-Ceará. 1999. 176f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 1999.

SOARES, Hidelbrando dos Santos. Elementos para uma geografia histórica do Baixo Jaguaribe: as transformações do espaço agrário regional. Revista Propostas Alternativas – Vale do Jaguaribe: natureza e diversidade cultural, Fortaleza, n. 07, p. 05-10, 2000.

STEDILE, João Pedro. Questão agrária. In: CALDART, Roseli Salete et al. (Org.). Dicionário da educação do campo. São Paulo: Expressão Popular, 2012. p. 641-646.

TALASKA, Alcione. Ainda existem latifúndios no Brasil? Uma análise do espaço agrário brasileiro. Santa Cruz do Sul: EDUNISC, 2016.

Downloads

Publicado

14/09/2022

Como Citar

CAVALCANTE, L. V.; LEITE SILVA, F. R.; PAIVA MARTINS, E. A geografia do latifúndio no Baixo Jaguaribe/Ceará: dinâmicas de uso e propriedade da terra. Terra Livre, [S. l.], v. 2, n. 57, p. 759–787, 2022. Disponível em: https://publicacoes.agb.org.br/index.php/terralivre/article/view/2262. Acesso em: 29 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos