Kropotkin 100 anos:

Como as ideias e práticas sociais desse geógrafo anarquista nos ajudam a compreender e a transformar o nosso mundo

Autores

  • Amir Paula

Palavras-chave:

: Kropotkin; Geografia; Anarquismo; Apoio Mútuo

Resumo

Piotr Kropotkin (1842-1921) foi um importante geógrafo do século XIX. A partir de suas análises sobre o apoio mútuo, percebemos uma imensa gama de assuntos geográficos por ele trabalhados, construindo uma obra extensa e ainda pouco debatida nos meios acadêmicos. Dessa forma, compreendemos que é demais imperativo, nesse momento de grande debate no ensino básico, principalmente sobre qual é o papel da Geografia na escola, compartilhar e divulgar as ideias e práticas desse importante cientista social do século XIX. Enquanto anarquista, Kropotkin sempre defendeu uma ciência verdadeiramente popular, acessível às classes menos privilegiadas, se transformasse em um mecanismo de construção de uma sociedade mais igualitária, democrática e solidária. Pensar a Geografia tendo o anarquismo como uma importante interlocução, possibilita um olhar mais dinâmico e criativo, tornando essa ciência uma experiência intelectual livre das amarras dos ditames burocráticos, que possa ser apropriada por todos, em um processo de profundo interconexão entre a teoria e a prática social. Com Kropotkin, a anarquia torna-se uma bandeira social dos mais explorados e pontua a necessidade de uma mundo diferente. Com ele, a Geografia torna-se uma ciência basilar para que as mudanças requeridas possam se efetivar. Kropotkin, geógrafo e anarquista, é a ponte que une o saber acadêmico com o saber social.

Referências

ANDRADE, Manuel Correia de. Geografia: Ciência da Sociedade. São Paulo: Editora Atlas, 1992.

AZEVEDO, Aroldo. A geografia francesa e a geração dos anos setenta. Boletim Paulista de Geografia, São Paulo, n. 50, p. 7-28, mar.1976.

CANDIOTTO, Luciano P. Experiências geográficas em torno de uma abordagem territorial. In: SAQUET, M.; SPOSITO, E. Território e territorialidades teorias, processos e conflitos. São Paulo: Expressão Popular, 2009. p.315-340.

GOULD, S.J. Kropotkin was not crackpot. Natural History, v.97, n.7, p.12-21, 1988.

KROPOTKIN, Piotr. El Apoyo Mutuo. Cali: Ediciones Madre Tierra, 1989.

KROPOTKIN, Piotr. Escritos sobre educação e geografia. São Paulo: Biblioteca Terra Livre, 2012a

.Apoio Mútuo- um fator de evolução. trad Dinah de Abreu Azevedo. Porto Alegre: Deriva, 2012c.

.Sobre o ensino de Fisiografia.trad Eduardo Rodrigues e Urubatan Nery. Revista Território Autônomo, n.1, p.69-81, 2012b.

MORAES, Antonio Carlos Robert. Geografia: Pequena História Crítica. São Paulo: Hucitec, 1987.

SANTOS, Milton. Por uma Geografia nova. São Paulo: Editora da USP, 2002.

VESENTINI, J. W. O método e a práxis (notas polêmicas sobre geografia tradicional e geografia crítica). Terra Livre, [S. l.], n. 2, 2015.

WOODCOCK, George et all. El Principe anarquista. Madrid: Ediciones Juca, 1975.

PAULA, Amir El Hakim de. Geografia e Anarquismo: A importância do pensamento de Piotr Kropotkin. São Paulo, Editora Unesp, 2019.

Downloads

Publicado

12/07/2022

Como Citar

Paula, A. (2022). Kropotkin 100 anos: : Como as ideias e práticas sociais desse geógrafo anarquista nos ajudam a compreender e a transformar o nosso mundo. Boletim Paulista De Geografia, 1(106), 78–96. Recuperado de https://publicacoes.agb.org.br/index.php/boletim-paulista/article/view/2239