50 anos das rodovias Transamazônica e Santarém-Cuiabá: consolidação, fluxos e malha municipal

Autores

Palavras-chave:

Amazônia, rodovias, PIN.

Resumo

No ano de 1970 o governo federal instituía o Programa de Integração Nacional-PIN com objetivo específico de financiar obras de infraestrutura com destaque para a região amazônica, em especial para duas grandes obras, a construção dos mais de 4.000 km da Transamazônica da cidade de Cabedelo-PB até Lábrea-AM e a BR-163 entre as cidades de Cuiabá-MT até Santarém-PA com 1770 km. Esse programa é os desdobramentos deste alteraram substancialmente uma parte dessa região e para analisar algumas mudanças, esse texto centrou na rede de transporte que foi instituída e as divisões da malha municipal ao longo desses 50 anos. Para fins metodológicos optou-se em realizar um levantamento bibliográfico e a geração de mapas para fins de especializar os fluxos e as alterações na malha municipal. Enfim, além das alterações constituídas, nota-se ainda, um processo de consolidação desses eixos rodoviários com fluxos de veículos automotores com destaque para os ônibus rodoviários e caminhões/carretas que interligam cada vez as cidades amazônicas com as redes urbanas de outras regiões.

Biografia do Autor

Thiago Oliveira Neto, Universidade de São Paulo

Graduado e Mestre em Geografia pela UFAM. Doutorando em Geografia Humana pela Universidade de São Paulo-USP, membro do Laboratório de Geografia Política-GEOPO.

Ricardo José Batista Nogueira, Universidade Federal do Amazonas-UFAM.

Doutor em Geografia Humana pela USP (2002), professor titular do Departamento de Geografia e do Programa de Pós-Graduação em Geografia da Universidade Federal do Amazonas-UFAM.

Referências

ALMEIDA, R. S.; RIBEIRO, M. A. C. Os sistemas de transporte na região norte: evolução e reorganização das redes. Revista Brasileira de Geografia, v. 51, n° 2, pp. 33-98, 1989.

ALMIRANTE, M. Rodovia BR-163. Disponível em: < http://memoria794.blogspot.com/2019/05/rodovia-cuiaba-santarem.html> Acesso em: 16 de junho de 2020.

ANTT. Anuário Estatístico de 2008 – Ano base 2007. 2008. Disponível em: <http://appweb2.antt.gov.br/passageiro/anuarios/anuario2008/51.asp> Acesso em: 17 de jun. de 2020.

ANTT. Plano de Outorga da BR-163/230/MT/PA é aprovado e enviado ao TCU. 13/05/2020. Disponível em: <http://www.antt.gov.br/salaImprensa/noticias/arquivos/2020/05/Plano_deOutorgada_BR163230MTPA_eaprovadoesubmetidoaoTCU.html> Acesso em: 26 de maio de 2020.

BARAT, J. O investimento em transportes como fator de desenvolvimento regional: uma análise da expansão rodoviária no Brasil. Rio de Janeiro: IPEA, 1969, 35f.

BARAT, J. Corredores de transportes e desenvolvimento regional. Pesquisa e Planejamento Econômico, v. 2, n. 2, pp. 301-338, 1972.

BECKER, B. A Amazônia na estrutura espacial do Brasil. Revista Brasileira de Geografia, v. 36, v. 2, pp. 3-36, 1974.

BECKER, B. Uma hipótese sobre a origem do fenômeno urbano numa fronteira de recursos do Brasil. Revista Brasileira de Geografia, v. 40, nº 1, pp. 111-122, 1978.

BECKER, B. Geopolítica da Amazônia: nova fronteira de recursos. Rio de Janeiro: Zahar, 1982.

BECKER, B. Amazônia. São Paulo: Ática, 1990.

BECKER, B. Geopolítica da Amazônia. Estudos Avançados, v. 19 nº 53, pp. 71-86, 2005.

BRASIL. Sob o signo da fé. Discurso proferido em Manaus em 08 de outubro de 1970. Brasília, 1970a. Disponível em: < http://www.biblioteca.presidencia.gov.br/presidencia/ex-presidentes/emilio-medici/discursos/1970/24/view> Acesso em: 22 de mai. de 2020.

BRASIL. Decreto-lei nº 1.106, de 16 de junho de 1970b. Disponível em: < http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Decreto-Lei/1965-1988/Del1106.htm> Acesso em: 22 de mai. de 2020.

CARBO, X. Expedição Cuiabá-Santarém, Expresso Araçatuba. (07/02/2015) Disponível em: < https://www.youtube.com/watch?v=o9OoqnrxAJk> Acesso em: 16 de jun. de 2020.

CATAIA, M. A. A geopolítica das fronteiras internas na constituição do território: o caso da criação de novos munícios na região Centro-Oeste do Brasil durante o regime militar. Scripta Nova, v. X, nº 218, pp. 1-15, 2006.

FORTABUS. Transamazônica a estrada que pode ser vista da lua. Disponível em: <http://www.fortalbus.com/2013/07/fortalbus-na-amazonia-transamazonica.html> Acesso em: 16 de junho de 2020.

GALLO, F.; SOMAIN, R.; DROULERS, M. Federalismo e competências tributárias, uma geografia dos impostos. Confins, n° 32, S/P, 2017.

GOMES, R. de C. C. A Fragmentação do Território no Brasil e a Reprodução das Relações de Poder: uma leitura a partir do Rio Grande Norte. Sociedade e Território, v. 27, nº 1, p. 231-250, 2015.

IANNI, O. Colonização e contra-reforma agrária na Amazônia. Petrópolis: Vozes, 1979.

LACOSTE, Y. A geografia: isso serve em primeiro lugar para fazer a guerra. 19° ed. São Paulo: Papirus, 2012.

LEONEL, M. Estradas, Índios e Ambiente na Amazônia: do Brasil Central ao Oceano Pacífico. São Paulo em Perspectiva, São Paulo, v. 6, n.1 e 2, pp. 134-167, 1992.

LOMBARDI, T. T. do N. Trajetórias na Transamazônica: Estratégias de vida e trabalho em uma área rural na Amazônia. Dissertação de mestrado em antropologia social. Unicamp, 2009, 166f.

KOREIRA, R. B. O Fundo Rodoviário Nacional. Rio de Janeiro: IPEA, 1969.

MAPIO. BR-163. Disponível em: <https://mapio.net/pic/p-5249708/> Acesso em: 16 de junho de 2020.

MATTOS, C. de M. Uma geopolítica pan-amazônica. Rio de Janeiro: Biblioteca do Exército, 1980.

MARGARIT, E. O processo de ocupação do espaço ao longo da br-163: uma leitura a partir do planejamento regional estratégico da Amazônia durante o governo militar. Geografia em Questão, v. 6, n. 1, pp. 12-31, 2013.

MARTIN, A. R. As fronteiras internas e a “questão regional” no Brasil. Tese de doutorado em geografia humana, USP, 1993, 270f.

MORAN, E. F. Estratégias de sobrevivência: o uso de recursos ao longo da rodovia Transamazônica. Revista Acta Amazônia, v. 3, n 7, pp. 363-379, 1977.

MORAES, A. C. R. Ideologias Geográficas. São Paulo: HUCITEC, 1988.

OLIVEIRA, A. U. de. Integração para não entregar: políticas públicas e Amazônia. São Paulo: Papirus, 1988.

OLIVEIRA, B. C. Federalismo e Municipalismo na trajetória política do Brasil. Mercator, v. 17, pp. 1-14, 2018.

OLIVEIRA NETO, T. Rodovia Transamazônica: falência de um grande projeto geopolítico. Geonorte, nº 12, v. 4, pp. 282-298, 2013.

OLIVEIRA NETO, T. Rodovia Transamazônica: o projeto de integração deu certo? Revista Gestão de Políticas Públicas, v. 5, nº 2, pp. 284-308, 2015.

OLIVEIRA NETO, T. Rodovia BR-163: entre a geopolítica e a geoeconomia. Dissertação de Mestrado em Geografia, Universidade Federal do Amazonas-UFAM, Manaus, 2019, 286f.

RESENDE, E. O papel das rodovias no desenvolvimento da Amazônia. Em: TAMER, Alberto. Transamazônica: solução para 2001. Rio de Janeiro: APEC, [1969] 1973.

PINTO, L. F. Rodovia Perimetral Norte: uma nova Transamazônica. Instituto de Geografia, USP, Geografia e Planejamento, n° 10, pp. 1-45, 1973.

RANGEL, I. Obras Reunidas. Vol. 2. Rio de Janeiro: Contraponto, 2005.

TAMER, A. Transamazônica: solução para 2001. Rio de Janeiro: APEC, 1970.

THERY, H. Rondônia: Mutações de um Território Federal na Amazônia Brasileira. SK Editora: Curitiba, [1976] 2012.

REIS, A. C. F. Amazônia e a cobiça internacional. Rio de Janeiro: Editora: Edinova, 1965.

SDINET. BR-163. (15/05/2009). Disponível em: <https://www.youtube.com/watch?v=pQJ9ji9NI0s > Acesso em: Acesso em: 16 de jun. de 2020.

SOUZA, C. A. M. A estrada invisível: Memórias da Transamazônica. Tese de doutorado em História, Universidade Federal Fluminense-UFF, 2012, 264f.

TAMBS, L. Geopolitics of the Amazon. In: WAGLEY, Charles. Man in the Amazon. Gainesville/Florida: Center for Latin American Studies, pp. 45-83, 1974.

TAVARES, M. G. da C. A formação territorial do espaço paraense: dos fortes à criação de municípios. Acta Geográfica, nº 3, pp. 59-83, 2008.

TOMIO, F. R. de L. Federalismo, municípios e decisões legislativas: a criação de municípios no Rio Grande do Sul. Revista Sociologia Política, v. 24, pp. 123-148, 2005.

VALDEMIR, P. Municipalismo no Brasil: origens, avanço pós-1988 e desafios atuais. Cadernos Adenaier, n° 3, pp. 125-146, 2016.

VALVERDE, O. Dos grandes lagos sul-americanos aos grandes eixos rodoviários. Instituto de Geografia, USP, pp. 1-22, 1971.

WALKER, R. T.; HOMMA, A. K. O.; CONTO, A. J. de; CARVALHO, R. de AMORIM; F., C. A. P; SANTOS, A. C. P. N. da; OLIVEIRA, P. M. de; PEDRAZA, C. D. R. As contradições do processo de desenvolvimento agrícola na Amazônia. Belém: Embrapa Amazônia Oriental, 1997, 117p.

Downloads

Publicado

11/08/2021

Como Citar

Oliveira Neto, T., & Batista Nogueira, R. J. (2021). 50 anos das rodovias Transamazônica e Santarém-Cuiabá: consolidação, fluxos e malha municipal. Boletim Paulista De Geografia, 1(105), 147–171. Recuperado de https://publicacoes.agb.org.br/index.php/boletim-paulista/article/view/1997

Edição

Seção

Artigos